5 de out de 2012

Capítulo 15 - De novo! (Belle)

"Muito perto pra começar uma guerra"
Adele, "Turning Tables"

*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*

      Depois de levar a Isa pra sala dela, eu fui em direção à minha. Agora era aula de Desenho e Jaxon era da minha mesma classe. Eu entrei na sala e me sentei ao seu lado, afinal éramos dupla. Percebi que ele havia chorado. Me deu um pouco de pena dele, mas a Isa está pior, porque ela teve que terminar tudo com ele sem ter escolha. Assim que eu me sentei, eu toquei no ombro dele.

      - Quer conversar? - perguntei.
      - Eu a amo, Belle. - ele disse. - Como ela pôde terminar comigo agora? Eu ia pedi-la em namoro hoje.
      - Já pensou que ela tivesse um motivo pra fazer isso?
      - Ela me disse que não aguentava mais as meninas ao meu redor.
      - Às vezes ela só usou isso como desculpa, porque pode haver um motivo maior pra vocês terem terminado.
      - Mas que motivo?
      - Eu não posso te contar, mas sei que em breve você vai saber. Mas nem pergunte pra ela, tá? Ela já está sofrendo muito com tudo isso.
      - Ela está?
      - Sim. Foi difícil pra ela, mas não se preocupe que ela é forte e vai aguentar. Eu vou tentar cuidar dela.
      - Por que tentar?

      Ê boca grande, ein Belle?! Arruma logo uma desculpa pra você tentar cuidar da Isa. Pensa, pensa, pensa. Já sei!

      - Porque ela tá pensando em voltar pro Brasil. - eu disse.
      - Não! Ela não pode voltar pro Brasil. - ele disse. - Eu quero que ela fique. Tem como você a convencer a não ir?
      - Como eu disse: eu vou tentar! Mas não fica bravo com ela, ok?
      - Ok! Quero pelo menos ser amigo dela.

      Eu sorri e ele também. Depois voltamos nossa atenção pra aula.

**

      É tão bom ter amigos que se amam! Principalmente se eles são um vampiro e uma lobisomem e ambos são seus melhores amigos. Eu estava saindo da aula de Inglês e vi Isa saindo da sala de Quimica. Eu fui ao seu encontro e vi que Justin foi falar com ela. Ih, lá vem bomba! Foi o tempo dela explodir e começar a brigar com ele, em português:

      - Olha, eu não sei, só sei que eu não vou pra uma casa cheia de vampiros. - ela disse, quase gritando. Agora eu já me encontrava quase do lado deles.
      - E eu não vou pra uma casa cheia de lobisomens! - disse Justin, no mesmo tom de voz dela.

      E eles começaram a discutir. Eu tenho que respirar fundo pra não matar esses dois. Sabe, eu já devia ter aprendido a não me meter em brigas de lobisomens ou vampiros, mas eu sou teimosa. ¬¬' Eu tenho que tentar separar essa briga. Vamos com calma.

      - Gente, parem de brigar! - eu disse, em português, e foi o mesmo que nada. - Parem! - eu disse e, novamente, nada. - PAREM! - eu, por fim, gritei.

      Os dois se viraram pra mim e disseram ao mesmo tempo: "Eu te odeio!", depois eles olharam surpresos pra minha cara. Eu to aqui, tentando ajudá-los e eles vem me dizer que me odeiam? Tive que segurar muito o choro. Eu não quero chorar na frente de ninguém.

      - Belle, desculpa! Não era pra você, foi porque você chamou minha atenção exatamente na hora que eu ia dizer isso a ele. - disse Isa.
      - Desculpa, Belle, mas foi a mesma coisa. - disse Justin. Ele sabia exatamente como eu me sentia.
      - Desculpo vocês, mas será que dá pra vocês pararem de brigar no meio do corredor? - eu perguntei.
      - Foi ele/ela que começou! - eles disseram ao mesmo tempo e voltaram a discutir.
Eu mereço! ¬¬'

      Eu estava ali, no meio deles, eles no meio do corredor, todos os alunos olhando para eles com cara de "WTF?!". E eu ali sem saber o que fazer. Até que a Isa começou a tremer. Eu sabia o que ela ia fazer. Não! Ela não pode! Corri para me posicionar em sua frente, coloquei meu braço em seu ombro e disse:

      - Isa, aqui não! Aqui não! Não se transforme aqui! - eu estava super preocupada, mas ela começara a se acalmar.
      - Isso Isa, se acalme e não me mate. - disse Justin, sarcástico e olhando feio pra ela.
      - Justin, cala a boca que não tá ajudando! - eu disse e olhei pra Isa que também olhou feio pra ele. Eu sabia o que eles estavam fazendo. - Dá pra parar de se chingarem por pensamento? - eles relaxaram os rostos. - Obrigada!

      O sinal para a última aula bateu e cada um foi pra um lado. A multidão se dispersara. E eu fui na direção da minha sala. Eu tinha aula com a Isa agora e ela era minha dupla. Eu disse pra ela que se ela quisesse poderia ficar fingindo que fazia a atividade, mas ela insistiu em fazê-la.
      Depois de terminarmos, deu a hora de ir embora. Isa estava indo em direção à floresta perto da escola. Corri para alcançá-la e, assim que o fiz, segurei sua mão para que ela se virasse pra mim.

      - Aonde vai? - perguntei.
      - Vou voltar pro Brasil! - ela disse.
      - NÃO! - eu gritei e segurei seu braço, o que fez com que ela me arrastasse um pouco. - Não vai! Por mim, pela Carol, pelo Jaxon! - assim que eu disse "Jaxon", ela parou.
      - Tá bom! - ela disse. - Eu não vou pro Brasil, vou atrás da Leah! - ela disse e logo correu.

      Eu preciso detê-la. Corri até meu carro, entrei numa estrada vazia, que eu usava pra ir da escola até a reserva e acelerei como nunca. Eu estava com medo. Não quero perder mais ninguém na minha vida. Cheguei na reserva ao mesmo tempo que Isa, sai imediatamente do carro e fui ao seu encontro.

      "- Isa, não! Não faz isso! - eu disse, chegando mais perto.
      - Belle, se você não quiser perder outro braço, é melhor ficar aqui! - disse Isa, ela estava séria.
      - Mas...
      - Fica! - ela ordenou.

      Ela se transformou e foi em direção a Leah que estava sentada de costas para ela e nem percebeu a nossa presença. A Isa saltou em cima de Leah e ficou em cima dela, a Leah deu um grito e começou a se debater.

      - Aaah! Isa? Por que está em cima de mim? - ela perguntou.

      Isa rosnou e tentou morder a Leah, que desviou e se transformou. Mas isso não afetava em nada a Isa que partiu pra cima dela dando mordidas enquanto Leah tentava fugir, aparentemente sem machucar a Isa.
      Eu precisava fazer alguma coisa, a Leah já estava nitidamente mais fraca e algumas mordidas que ela levara sangravam. A Isa ia matá-la, até que vi o Sam aparecer.

      - SAAAM, ajuda, por favor! Elas vão se matar! - gritei
      - O que está acontecendo aqui? - ele perguntou.

      Dito isso ele se transformou e se meteu no meio bem na hora em que Isa iria atacar de novo a Leah, que já estava no chão.
      Pelas caras eu sabia que eles estavam "conversando" entre si. Sam devia estar pedindo explicações. Ficaram ali parados por alguns minutos até que Isa rosnou e saiu correndo floresta adentro.
      Sam e Leah se transformaram de volta. Leah estava com algumas marcas de mordidas, mas nenhuma sangrava mais.

      - O que... o que aconteceu? - eu perguntei, um pouco assustada.
      - Ela estava se vingando de mim por causa do Jaxon, disse que ele ia pedir ela em namoro e que eu estraguei tudo. - disse Leah. - E disse mais um monte de coisas que eu não me atrevo a repetir.
      - E eu disse à ela que se ela tentasse se vingar de Leah de novo, eu teria que expulsá-la da matilha. - disse Sam.
      - E pra onde ela foi? - perguntei.
      - Não sei. - disseram os dois ao mesmo tempo.

      Senti pena de Isa. Ela perdeu os pais, o namorado e quase perdeu a matilha. Eu precisava achá-la." * Saí correndo na direção da floresta, com Sam gritando para que eu voltasse, mas eu não vou voltar. Meus amigos vem primeiro, minha própria proteção depois. Eu corri e parei para olhar um caminho para seguir, quando alguns flashbacks inundaram minha cabeça. Eu tentei não pensar nisso, mas era como se alguém tivesse implantando eles em minha mente, haviam vozes dizendo: "Você é a culpada", "Era pra ser você". Por fim, elas pararam e eu voltei a seguir meu caminho.
      Quando menos percebi, eu estava pisando na areia da praia de LaPush. Pude ouvir um choro e o segui até encontrar Isa. Eu me abaixei e a abracei. Ela retribuiu o abraço e depois deitou a cabeça em meu colo. Enquanto ela chorava, eu passava a mão pelos seus cabelos e ficava pensando sobre o que acontecera na floresta.



Continua...


(* parte entre aspas escrita por Isabella Conte)




Oi mesninas lindas do meu coração!!!!!
Como vocês estão, ein meus amore??? Bom, eu estou bem e: estou NAMORANDO!!!! *-*
Bom, hoje eu postei e vou pedir número de comentários. Mesmo se eu já tiver passado o cap. 16 pro meu computador, se não tiver o número de comentários eu não vou postar. Divulguem, comentem... mas por favor, me ajudem. Eu só peço comentários, pra saber se vocês estão realmente gostando da #IB, entenderam?
Ah, e se quiserem que eu avise dos capítulos deixem o twitter de vocês no final de cada comentário...
Respondi aos comentários no cap. anteiror, ok???
CONTINUO COM 3 COMENTÁRIOS!
Beijos! =*
@ClaraVeras

6 comentários:

  1. Como assim namorando..?
    É o Logan e o justin são meus..kkkkk
    Amoreco do meu colaxão tô adorando seu IB posta logo tô agoniada pra saber o proximo capitulo
    Bjinhos da sua manah que te ama muito :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkk simplesmente estou namorando!!! ><
      Oxi, quem disse que o lindo do Logan e o perfeito Justin sao seus????rum'
      E obrigada meu amoreco! rsrs e postei o proximo cap!!! ^^
      Beijos minha manah, tbm te amo muito!! <3

      Excluir
  2. CONTINUA BRABULETA!!!!!!!!!!!!
    Ass.:Bia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Continuei minha florzinha limda! Com M de MINHA!!! <3

      Excluir
  3. CONTINUA CONTINUA CONTINUA. O POVAO QUER MAIS DISSO AQUI, QUER MUITO MUITO MUIITO MAIS MINHA DIVA. POSTA POSTA POSTA POSTA E CRENDEUSES. tudo muito perfeito aqui ;33

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk CONTINUEI CONTINUEI CONTINUEI! E DIVA é você!!! ><
      E ownt.... obrigada meu amr!! <3 mas seu blog q é PERFEITO!!! <3

      Excluir

O que acham que vai acontecer?
Expressem opiniões sinceras, por favor!
Estão Gostando?