5 de fev de 2012

Once Upon a Dream - Capítulo 32

*Anteriormente*
       Depois disso meus olhos se fecharam involuntariamente.


*Justin narrando*
       A Clair contou toda aquela história dela com aquele tal de Diego. Tadinha da minha pequena, ela sofreu muito desde os 14 anos. Depois que ela terminou de contar a história ela foi beber água. O pessoal falava algo, mas eu estava olhando a Clair andar em direção á cozinha. Eu desviei o olhar dela pra dar uma olhada no que o pessoal estava fazendo e foi o tempo da Clair gritar de dor. Ela ia cair com tudo no chão, mas eu fui até ela e a segurei. Eu fui sentir o pulso dela e estava enfraquecendo. O que está acontecendo com ela?

Justin: Meu amor, o que aconteceu?? Clair?! Clair?!
Cait (chorando): NÃO! Clair, reage! Chama a ambulância, Chris! (gritando)
Justin: O que está acontecendo? Alguém pode me dizer, por favor?
Chris (voz de choro): Alô?! É uma emergência...
Selena (chorando muito): Clarinha, fica comigo! Reage! Não posso te perder, não depois de tudo que passamos juntas...
Miley (chorando): Clair, por favor, reage. Ainda não é a hora. Não pode ser agora!
Justin: Como assim, Miley?

      Assim que eu perguntei isso, os olhos dela se fecharam e seu pulso estava ainda mais fraco. Eu me desesperei, peguei-a no colo e saí correndo pro carro. Peter e Selena foram comigo no carro. Selena estava com ela no banco de trás, chorando e eu e Peter na frente. Eu dirigi o mais rápido que pude para chegar ao hospital mais próximo. Havia um grupo de médicos que nos esperavam, deve ter sido por causa do Chris que tava falando com o hospital. Eles imediatamente a colocaram na maca e a levaram para alguma sala, nos deixando para trás na sala de espera.
      Eu estava muito agoniado. Eu não conseguia parar quieto, meus olhos estavam com lágrimas, Selena estava sentada chorando e Peter também. Minha mãe chegou no hospital, pois eu liguei pra ela pra contar o que aconteceu. Eu queria muito saber o que estava acontecendo com a Clair e todo o pessoal sabia o que era, mas não me contaram.
      O pessoal também chegou depois e ficamos todos lá. E nada do médico aparecer. Eu não estava mais aguentando, parecia que eu era o único que não sabia o que estava acontecendo com ela. Resolvi então perguntar:

Justin: Será que algum de vocês pode me dizer o que está havendo?

      Eles me olharam meio inseguros, se deviam contar ou não. Por favor! Eu tenho que saber, afinal ela é minha namorada!

Selena: Meninos, contem um de vocês!
Chris: E porque vocês não contam?
Meninas: Promessa da amizade!
Chaz: O que?
Ryan: Elas fizeram a promessa da amizade, que não pode ser quebrada a não ser que tenha a permissão de quem contou a coisa pra elas, no caso a Clair.
Chris&Chaz: Aaah!
Peter: Bom, Justin, a Clair tem um problema no coração desde o acidente, mas ela não sabia disso antes, ela descobriu esse ano quando...(olhou pro Taylor) você sabe. Lembra quando ela desmaiou aquele dia?
Justin: (assenti com a cabeça)
Peter: Bom, ali meio que começou, mas não foi tão forte. E isso aconteceu mais vezes como quando ela viu o Taylor beijando a Jasmine no shopping e quando a Selena te beijou no ensaio da peça. E o médico disse que não sabia o que podia acontecer da próxima vez. Ele...disse que ela... podia...

      Eu sabia o que ele ia dizer. Meus olhos se enxeram de lágrimas, só que dessa vez elas escorreram por meu rosto. Minha pequena não pode morrer. Ela não pode morrer!
      De repente apareceu o médico que a havia atendido. Segundo o pessoal era o mesmo das vezes que ela desmaiara. Ele não estava com uma cara muito boa. Pensamentos ruins começaram a passar milhões de vezes pela minha cabeça. Eu não posso perdê-la! Ele veio em nossa direção.

Médico: Bom... eu tenho uma notícia nada boa pra dar pra vocês. (olhou pra nós)
Peter: Não me diga que a minha maninha mor...
Médico (interrompendo): Ela não está morta (fizemos cara de alívio) literalmente! (fizemos cara de O.o) Bom, ela entrou em coma.
Todos-médico: O quê?
Médico: Sim, ela entrou em coma e só está respirando e seu coração só está batendo por conta das máquinas. Assim que ela chegou ela não tinha pulso, demos os choques para reviver o coração dela, e conseguimos, mas com uma pulsação muito fraca. Então tivemos que ligar os aparelhos e ela entrou em coma profundo. Não sabemos se ela vai...acordar.


      Ouvir aquilo me doeu o coração. Só em pensar que eu poderei nunca mais ver minha pequena não consigo respirar direito. Eu tive que me sentar pra tentar digerir a notícia. Minha mãe veio e me abraçou. Eu estava paralisado, portanto não retribui o abraço de minha mãe. 


Justin: Posso ir vê-la?
Médico: Pode sim, mas um de cada vez. Me acompanhe.


      Eu o acompanhei até o quarto onde minha pequena se encontrava. Eu a vi e algumas lágrimas percorreram meu rosto. Eu fui até ela e segurei em sua mão. Ela estava cheia de tubos ao seu redor. Eu comecei a conversar com ela, porque dizem que mesmo em coma, as pessoas ouvem.




*Clair narrando*
      Eu acordei. Estava em um parque, mas as coisas estavam mais "claras". Eu estava deitada sobre uma toalha branca, vestindo um vestido branco e sapatos brancos. Eu sabia que não tinha aquela roupa.
      Eu reconheci o lugar onde estava. Era o parque onde eu e Diego começamos a namorar. Mas o que eu estava fazendo ali? Eu me sentei e fiquei olhando o lugar.
      De repente alguém tocou meu ombro, eu me virei e me assustei ao ver quem era.


Clair: Você?
XxXx: Sim, Clarinha, sou eu!
Clair (se levantando rápido): É impossível, você está morto. Que brincadeira é essa?
XxXx: Isso não é brincadeira e sim, sou eu.
Clair: Como pode dizer uma coisa dessas? Você não é o Diego! Você morreu, eu vi você morrer em meus braços.
Diego: Clarinha, sou eu sim. E eu morri sim, mas você, quase.
Clair: Como assim, quase? 


      Foi aí que eu me lembrei de quando eu senti a dor, de quando fechei meus olhos em meio a agoniação de meus amigos.


Clair: Não! NÃO, NÃO! Isso não pode ter acontecido! E o que você quis dizer com quase?
Diego: Você entrou em coma profundo.
Clair: Ai meu Deus! Onde eu estou?
Diego: Bom, aqui é um lugar paralelo, onde as pessoas em coma ficam.
Clair: Mas só tem nós aqui. E você não está em coma. Por que está aqui?
Diego: Bom, depois que eu morri, eu me tornei seu anjo da guarda! E por isso estou aqui com você. Pra cuidar de você.


      Aquilo era meio estranho, mas o mais estranho foi que eu senti um toque em minha mão. Como se alguém estivesse pegando nela, mas eu não via ninguém e Diego estava de frente pra mim e a alguns passos de mim.


Diego: Ele está pegando em sua mão.
Clair: Quem?
Diego: Justin!
Clair: Como sabe?
Diego: Me acompanhe. Posso? (ele me ofereceu a mão e eu a peguei)


      De repente estávamos em uma sala de hospital. Eu pude ver uma moça em uma maca cheia de tubos e um rapaz segurando sua mão. Eu ainda sentia a sensação em minhas mãos de que alguém a estava segurando. Foi aí que percebi que eram eu e Justin. Ver meu estado me fez pensar em como Justin poderia estar. Percebi que ele estava chorando. Tadinho do meu bebê. Eu não queria que ele sofresse por minha causa. Eu fui até ele e tentei tocá-lo, mas foi em vão. Minha mão simplismente atravessou seu ombro. Uma lágrima percorreu meu rosto. Eu ainda sentia o toque da mão dele apertando a minha, mas ele apertava a mão do meu corpo que estava paralizado, em coma. Justin respirou fundo e começou a falar comigo.


Justin: Oi! (escorre uma lágrima) Eu sei que você pode não me ouvir, mas não custa nada tentar, né? Bom, eu...eu soube o que aconteceu pra você estar aqui...o Peter me disse...mas eu queria saber...porque você não me disse...eu poderia ter ajudado, ou... (senta numa cadeira) feito qualquer coisa...porque eu te amo...minha pequena. Eu te amo...e eu...não aguentaria... (escorre outra lágrima) viver sem você. (abaixa a cabeça com ela sobre minha mão).


      Eu podia sentir suas lágrimas escorrendo por minha mão. Eu comecei a chorar e percebi que o Diego me abraçou. Naquela hora era exatamente o que eu precisava. Eu queria tanto ficar ao lado de Justin, ou de dizer: "Eu estou bem, meu amor! Estou aqui e estou bem!", mas não podia. Percebi que Justin estava dormindo sobre minha mão. Tadinho, mas também devia ser o que meia-noite? Diego me levou até uma sala, supus ser a sala de espera do hospital. Todos estavam ali, mais uma lágrima percorreu meu rosto. As meninas estavam sentadas chorando, os meninos sentados tentando não chorar e a Pattie também chorava. Eu não queria que isso acontecesse a ninguém.


Diego: A culpaa não foi sua, Clarinha!
Clair: Como sabe o que eu tava pensando?
Diego: Bom, depois que eu me tornei seu anjo da guarda eu pude ler todos os seus pensamentos e ainda posso fazê-lo.
Clair: Mas eu não posso ler os seus.
Diego: Não e  mesmo que seja como eu não poderá. Se for como eu também não poderei ler mais seus pensamentos.
Clair: Por que?


      Nesse momento nós voltamos pro "parque". Estávamos sentados em um banquinho e estávamos olhando um pro outro. 


Diego: Porque deixará de ser humana para se tornar anjo, e eu deixarei de ser seu anjo da guarda, seu protetor.
Clair: Entendi. Posso fazer uma pergunta?
Diego: Bom, você já fez uma.
Clair: Não, outra pergunta. (risos)
Diego (risos): Tudo bem!
Clair: Nós anjos podemos dormir? Bom, eu não sou exatamente anjo, mas...ah, você entendeu! (risos)
Diego (risos): Entendi sim. Bom, você, por continuar viva no mundo humano ainda sente as necessidades de um, como dormir, comer e essas coisas, eu necessito somente dormir, mas durmo ao mesmo tempo que você e acordo junto com você.
Clair: Por que?
Diego: Porque eu preciso ficar de olho em você. Sabe pro caso de acontecer alguma coisa. Ás vezes eu nem durmo, como quando você tem aqueles sonhos comigo no seu aniversário.
Clair: Como sabe...Ah, você lê pensamentos!
Diego: Na verdade, o que você sonha eu sonho também. (ele deu de ombros)
Clair: Hum...


      Ficamos conversando mais um pouco até que eu comecei a bocejar. Diego dessa vez me levou até um quarto. Era branco, mas bem bonito. Eu me deitei na cama até adormecer, enquanto Diego estava aconchegando-se na cadeira.

*No dia seguinte*
(...)




Oi minhas gatinhas!! Tudo bem com vcs? Desculpa só ter postado hoje, mas o meu dia ontem foi cheio. Eu tive escoteiro, depois eu ia pra missa e nem deu tempo, depois eu fui jantar fora. E aí eu tentei terminar ontem, mas não deu. =/ Mas consegui hoje!! o/
Ah, e obrigada por terem votado na enquente, e eu já estou começando a escrever uma nova #IB.

Respondendo:
 Cantinho da Belieber - Reclamo de novo agora. Olha a boquinnha ein, Belle! kkkkk....Era pra chorar mesmo, rum...eu CHOREI também! Pensa eu escrevendo chorando, ein? E eu ouvi sim, viu, ela não morreu, só tá em coma! kkkk Bieber é lindo e Payne é o que você colocou as fotos uma vez no seu blog?
 ♥ Victoria Velloso ♥ - É pra chorar mesmo! rum.....kkkkkk E ela não morreu! Tá só em coma! =D rsrs Continuei minha amiguxa! *-*
@thamy_belieber_ - Foi essa a intenção minha lokinha! kkkk Eu chorei escrevendo esse flashback e olha que reli ele zilhões de vezes e chorei em todas. Bom, a Clair entrou em coma! Só isso!
@BeatrizVilches - Eu ja duvidava que você fosse me matar, mas se ali fosse o fim não só você ia me matar, mas acho que um monte de leitoras iam...kkk
imagine logan by camilyh - kkkkk sou má msm...rum! kkkk =D E como já disse ás outras, ela não morreu, entrou em coma! Não tem problema minha linda, desde que você leia eu to feliz! =D

Obrigada pelos comentários minhas gatinhas!!! *-* Amu vcs!! <3
Beijinhos! ;*
Clara
@JB10Lovehim 

4 comentários:

  1. Eu digo de novo> A BOCA É MINHA RUM' uahshuausha
    Você é dramática hein :S uhsauhsuhau é é foda AUHAUSUHUSH bom se ja sabe se ela morre tu morre ok? UHUSHAUHS
    Bieber e Payne = totosos e PODE IR TIRANDO O CAVALINHO DA CHUVA OK? O LIAM É MEU OK? RUM'
    Beeeijos
    Isabelle/@isa_passarelli/@DoBieberEuSou

    ResponderExcluir
  2. ain que triste,eu não acredito que ela tá em coma
    bom eu vou ler de vez em quando
    beijinhos!!!

    ResponderExcluir
  3. Nova leitora aqui, to lendo essa IB já faz um tempo,bom...hoje terminei de ler:D tava chorando aqui :'(
    Catinho da Belieber,se ela morrer eu te ajudo a matar a Clara :D (mal conheço e já tow assim,kkk )Aaaain vei,ela ta em coma :[
    Beeeijo ;**

    ResponderExcluir
  4. Nossa, que lindo e triste né :'( Continhuaaaa *o*

    ResponderExcluir

O que acham que vai acontecer?
Expressem opiniões sinceras, por favor!
Estão Gostando?